política de qualidade

No image set

A Solera nasceu em 1967, em Hospitalet de Llobregat (Barcelona). Foi criada por Mariano Verdejo Solera com uma visão de futuro apoiada no compromisso com a qualidade dos produtos fabricados. Desde então, estamos tão seguros dessa qualidade que não limitamos a devolução de produtos não conformes.


Em 1973, foi realizada a mudança para a pequena cidade de Cañete (Cuenca). Naquela época, todos os produtos fabricados pela Solera (a maioria em resina de ureia) eram vendidos no mercado nacional.


Em 1984, parte da produção foi transferida (especialmente os porta-lâmpadas de resina) para a cidade valenciana de Paterna, mais especificamente para o Polígono Industrial Fuente del Farro (onde se situa atualmente a sede da empresa), para maior proximidade aos fabricantes de candeeiros, um tipo de cliente que já começava a exigir produtos certificados.

Em 1990, foi adquirida uma empresa que fabricava cabos flexíveis de acordo com a norma UNE 21031. O setor de cabos já se encontrava no âmbito do acordo europeu HAR e exigia que todos os fabricantes implementassem os pontos mais importantes da norma de qualidade EN ISO 9001.


Por outro lado, inicia o caminho da exportação para mercados muito diferentes, mas igualmente muito exigentes em termos de qualidade dos produtos e de certificação da empresa.
Como não poderia deixar de ser, Mariano Verdejo, adapta-se e, com a ajuda de técnicos contratados para realizar o projeto e uma assessoria externa, equilibrou os processos e iniciou a implementação de um sistema de qualidade baseado na norma UNE EN ISO 9001, obtendo o certificado de registo de empresa pela AENOR em 1997.


Desde então, graças ao sistema de qualidade, conseguimos:

  • Desenvolver-nos de forma sustentável, tendo em conta a ética e a responsabilidade social.
  • Criar espaços de trabalho mais limpos e organizados, procedimentos de trabalho que ajudam na comunicação e no trabalho diário de todos os trabalhadores da empresa.
  • Controlar de forma eficiente a qualidade dos produtos fabricados.
  • Criar um espírito de equipa e envolver todas as pessoas da empresa na qualidade.
  • Implementar controlos de qualidade para os produtos adquiridos e avaliar os fornecedores através de auditorias ou controlos de produtos.
  • Atuar nas relações com os nossos clientes com coerência, transparência, generosidade e honestidade.

 

Além disso, a criatividade existente na empresa permite-nos desenvolver produtos que respeitam o ambiente.


A qualidade é endossada pelo certificado de registo de empresa emitido pela Aenor, tendo nós implementado controlos do produto acabado para que todas as nossas existências cheguem ao mercado cumprindo os requisitos dos clientes, as normas, os regulamentos, as diretrizes europeias e todos os requisitos legais e regulamentares exigidos ao produto.


Os resultados das auditorias anuais de acompanhamento do nosso sistema de qualidade confirmam que somos uma empresa sólida e que continuamos a fabricar e a prestar serviços de qualidade. Tais auditorias verificam igualmente o compromisso da empresa com a melhoria contínua dos seus produtos e processos, investigando, estudando a viabilidade e implementando tecnologias inovadoras que nos ajudam a permanecer num dos mercados mais concorrenciais.


Para conseguirmos tudo isto, temos por base os seguintes aspetos:

  • Conhecimento e compreensão das questões internas e externas necessárias à finalidade e à estratégia empresarial da Solera. Com este ponto, indicamos que a Solera conhece e compreende perfeitamente todas as questões internas, tais como os valores, a cultura, os conhecimentos, o desenvolvimento interno da empresa, e as questões externas, tais como os aspetos legais, tecnológicos, concorrenciais, de mercado, culturais, sociais e económicos, a nível local, regional, nacional ou internacional.
  • Medidas orientadas para a seleção de fornecedores, acompanhamento e medição da sua capacidade de produção. Com este ponto, o que se pretende obter é que as matérias-primas e os componentes que a SOLERA adquire aos seus fornecedores entrem na fábrica com a qualidade exigida. Para tal, selecionamos os fornecedores que podem fornecer a qualidade exigida, bem como o cumprimento dos prazos de entrega para que a nossa produção não pare e, dessa forma, podermos cumprir os pedidos dentro do prazo, melhorando a satisfação do cliente.
  • Medidas orientadas para a correção e melhoria contínua dos processos e para a qualidade e segurança dos produtos. Este ponto é conseguido ouvindo as opiniões dos trabalhadores nos seus postos de trabalho para melhorar processos, como a montagem, adquirindo a tecnologia capaz de fornecer a qualidade necessária e concebendo processos e produtos seguros que satisfaçam as necessidades do cliente.
  • Medidas orientadas para a correção e o compromisso da empresa com a melhoria contínua dos fornecimentos aos nossos clientes. Com isto, pretende-se que todos os produtos que saem da SOLERA cumpram as especificações exigidas. Por esta razão, existem controlos no processo de produção para que o produto que chega ao cliente esteja em perfeitas condições e, acima de tudo, garantir o compromisso de toda a organização com a melhoria contínua.
  • Satisfazer as expectativas dos nossos clientes com os nossos produtos, estando a Direção da SOLERA empenhada na participação de todos os colaboradores da empresa nestas expectativas. As visitas às fábricas pelos clientes são muito importantes, porque permitem-lhes conhecem realmente como somos, uma empresa com pessoas capazes de lhes dar aquilo de que necessitam. Em geral, as suas necessidades são: qualidade, preço, serviço e bom trato pessoal. Cada um, conforme a sua empresa, coloca os quatro conceitos numa ordem diferente. Às vezes, os clientes pedem coisas específicas, tais como a altura das paletes que fornecemos, caixas de uma determinada cor etc. Estes aspetos são incluídos no sistema da SOLERA com diferentes referências, na estrutura do produto, etc., para que este chegue ao cliente conforme solicitado.
  • Assegurar o cumprimento dos requisitos do Sistema de Gestão da Qualidade, os requisitos do cliente e os requisitos legais e regulamentares do produto. Este ponto resume tudo o acima referido e inclui os requisitos legais e regulamentares, dado que o seu cumprimento é essencial para que o produto seja aceite no mercado. A maioria dos nossos produtos estão sujeitos a normas e regulamentos para que possam ser instalados em residências, tais como o Regulamento Eletrotécnico de Baixa Tensão, ou normas específicas, tais como a UNE 20315, que especifica os requisitos das caixas que fabricamos.

 

Para tal, concebemos o produto desde a matéria-prima até à embalagem final (marcas e indicações), passando por todos os processos de injeção, montagem, embalagem, etc.


Em Paterna, a 12 de janeiro de 2018

Assinado Carlos Verdejo Monfort
Diretor-geral

Contacto

aenor

Escritórios e Fábrica Valência

  • Polígono industrial Fuente del Jarro
  • C/ Villa de Madrid, 53
  • 46988 Paterna (Valencia) España

Fábrica Cañete

  • Carretera de Teruel, 32
  • 16300 Cañete (cuenca) España

Subscrever a newsletter